quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Opa! Acabou as Férias.

Fevereiro chegou e com ele as nossas queridas, e nem sempre bem recebidas, volta ás aulas.

No começo é tudo sempre maravilhoso, pois podemos comprar vários materiais novos, como bolsa, cadernos, canetas e sapatos, enfim, são uma infinidade de objetos, além de que com a volta ás aulas, sempre podemos por as nossas fofocas com as amigas em dias. E para aqueles que se encontram em uma nova escola, podem fazer novas amizades, conhecer uma nova gama de coisas e se aventurar.

Mas também tem o lado “negativo” como, acordar cedo, estudar para as provas, prestar atenção nas aulas, enfrentar a preguiça diária e o vicio de dormir tarde por conta de redes sociais ou jogos online, porém não há como fugir disso, e é necessário uma pequena luta diária.

O retorno ás aulas não deve se tornar algo negativo, temos de ver sempre pelo lado bom das coisas, temos sempre que nos focar no futuro, não pense “Ai que droga, to cheia de prova” pense “eu preciso estudar, pois eu quero ter uma boa profissão”. Essa é uma excelente forma de arranjar uma motivação.


Dicas para tornar a volta as aulas e o seu ano letivo mais agradável :
  •      Se organize desde o começo, não deixe de anotar todas as datas importantes dadas pelos professores.
  •      Estude em parcelas, no dia em que aprendeu a matéria, reveja a mesma e assim só necessitara de uma leitura mais leve na época da prova para se lembrar do que havia estudado.
  •      Se seu grupo de amizades é daqueles que não querem nada com nada, tente se afastar deles pelo menos nas horas das explicações e nas realizações de trabalhos, você sairá ganhando bem mais com isso. Não é para se afastar deles, apenas escolha as suas prioridades.
  •      Encontre o seu ritmo de estudo, ninguém é igual, eu, por exemplo, só consigo estudar ouvindo música.
  •      Caso encontre alguma dificuldade em alguma matéria, ou até mesmo em algum trabalho/exercício, não exite em procurar ajuda, ela pode vir do seu professor, de um amigo e até mesmo dos seus pais. O importante é você procurar pelo auxílio.
  •   E o mais importante, tente fazer da sua escola um ambiente divertido, que te motive a ir e que te motive a estudar.

2 comentários:

Srta Veríssimo disse...

Ai, Ai, como adoro falar isso: ainda estou de férias!!! Bendito IFRJ (por enquanto)

May Kemmer disse...

hsauhsah, sei como você se sente amo o IFRJ por isso, mas em breve as nossas também acabarão.

Seguidores